Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Policiais Civis suspeitos de fraude em concurso podem ser expulsos

Foi nomeada uma comissão para terminar o trabalho.

Compartilhe

Por determinação do Secretário de Segurança do Piauí, Rubens Pereira, será aberto um processo administrativo contra 16 agentes da Polícia Civil  aprovados por força de liminar no concurso de 2012. Os agentes foram denunciados  pelo Ministério Público Estadual na operação Infiltrados concluída em 2017. Foi nomeada uma comissão para terminar o trabalho em um prazo de 30 dias.

Na época do concurso pelo menos 10 candidatos tiveram gabaritos idênticos nos erros e acertos, uma probabilidade quase impossível de acontecer, os agentes que serão alvos de processo administrativo são:

\"
(Crédito: Reprodução/TVMN)

1. André Luís de Carvalho

2. Antonio Lopes da Silva Junior

3. José Clodomar de Sabóia Júnior

4. Marcelo Freire

5. Maria dos Remédios Alcântara Santiago de Jesus

6. Regis Carlos de Oliveira Sousa

7. Priscila Almeida Lima Sabóia

8. Cícero Henrique de Sousa Araújo

9. Ricardo Araújo Mesquita

10. Paulo Alberto Machado Cerqueira

11. Thiago da Silva Macedo

12. Aline de Miranda Carvalho Nóbrega

13. Anderson Vasconcelos da Nóbrega

14. Ciro Nascimento Fonsêca

15. Jean Ribeiro da Costa

16. Marcos Fernandes do Carmo Nunes

Todos esses agentes estão trabalhando. Ao concluir esse processo administrativo a comissão vai enviá-lo para Procuradoria Geral do Estado e de lá será encaminhado ao Governador Wellington Dias, somente o governador pode desconstituir a nomeação desses agentes.

Em entrevista, o delegado Roberto Carlos que faz parte da comissão, afirmou que se houver a desconstituição da nomeação eles terão que devolver inclusive os salários recebidos até agora. “Acredito que a PGE vá tratar desse assunto, ela ingressará com uma ação judicial para que eles sejam compelidos a devolver o dinheiro que recebeu indevidamente, deixa a função, entrega as armas, distintivos, coletes e deixarão de constar nos quadros administrativos da Polícia Civil”, declarou.

\"Delegado
Delegado Roberto Carlos (Crédito: Reprodução/TVMN)



Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar