Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Quadrilhas se unem no tráfico em Fortaleza

A droga e os bens foram apreendidos em um sítio

Quadrilhas se unem no tráfico em Fortaleza
Quadrilhas internacionais se unem no tráfico em Fortaleza | Diário do Nordeste
Compartilhe

Um cons?rcio de, pelo menos, duas quadrilhas internacionais ligadas ao tr?fico de drogas seria o respons?vel pelo carregamento de 300 quilos de coca?na pura apreendido pela Pol?cia Federal no Cear?. Al?m da droga, os agentes federais apreenderam seis carros, duas motos, um bote infl?vel, R$ 18.950,00 e 13,500 Euros, que convertidos equivalem a cerca de R$ 34 mil.

A droga e os bens foram apreendidos em um s?tio situado no Munic?pio de Paraipaba, Litoral Oeste do Estado (a 92 Km de Fortaleza), em uma opera??o sigilosa da PF, que contou com a participa??o de aproximadamente dez policiais, comandados pelos delegados Marlon J?ferson de Almeida, do N?cleo de Combate ao Crime Organizado; e Jos? Glayston Ara?jo dos Santos, titular da Delegacia de Repress?o aos Entorpecentes (DRE).

De acordo com Glayston Ara?jo, ap?s as primeiras investiga?es e interrogat?rios, a PF tem fortes ind?cios de que os cinco homens presos fa?am parte de duas quadrilhas diferentes e altamente organizadas, que estavam por tr?s da opera??o internacional do tr?fico de entorpecentes.

Segundo a PF, o cabo-verdiano com cidadania portuguesa Napole?o Rodrigues Martins e o espanhol Carlos Torres Lozano seriam representantes dos compradores da droga. Os dois estrangeiros teriam vindo ao Cear? acompanhar o transporte da coca?na para o destino final, que seria a Europa ou o continente africano.

Os policiais tamb?m acreditam que os brasileiros Juan Carlos da Silva Carvalho, Marcos Ant?nio Medeiros de Almeida e Marcelo Santos Sarruf seriam os respons?veis pelo transporte, armazenamento e envio da carga de entorpecentes para a Europa e ?frica. Juan seria o comandante da opera??o criminosa no Cear?.

O s?tio onde a droga foi encontrada estava no nome da m?e dele. Marcos Ant?nio era seu funcion?rio e tamb?m pescador. Segundo a PF, ele usaria seus conhecimentos para levar a droga no bote infl?vel.

O bote, que foi apreendido pelos federais, seria usado para conduzir a droga at? um outro barco que poderia ser de pesca ou um veleiro. Os primeiros envolvidos, que foram presos ainda na tarde de domingo, j? teriam feito a escolha do local onde a coca?na seria transferida para a segunda embarca??o.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar