Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Soldado ouvido sobre assalto a carro-forte em Fortaleza

Durante a ação, os bandidos abandonaram a moto de placas HYD-5513 no local

Soldado ouvido sobre assalto a carro-forte em Fortaleza
Soldado ouvido sobre o assalto a carro-forte no CE | Diário do Nordeste
Compartilhe

Um policial militar, soldado lotado na 7? Companhia do 5? Batalh?o (Parangaba), foi ouvido, ontem, pela Pol?cia Civil sobre o ataque a um carro-forte da empresa de vigil?ncia Corpvs, ocorrido na manh? de segunda-feira (19), na esquina das ruas Padre Valdevino e Ant?nio Augusto, no bairro Joaquim T?vora.

Durante a a??o, os bandidos abandonaram a moto de placas HYD-5513 no local. O ve?culo est? registrado no nome de M?rcio Gleides Almeida Barros, fugitivo da Justi?a, por tentativa de latroc?nio. Ele ? primo do soldado da PM. No depoimento, o militar informou ao delegado F?bio Fac?, titular da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF), que a moto realmente era sua, apesar de estar no nome de seu primo, mas que a mesma havia sido vendida h? uma semana.

O nome do comprador da moto n?o foi revelado pela Pol?cia. Ele foi notificado pelo titular da DRF para prestar depoimento na Delegacia, mas ainda n?o compareceu.

O delegado informou tamb?m que existe outra linha de investiga??o que n?o pode ser revelada para n?o atrapalhar o andamento dos trabalhos realizados pelos policiais da DRF.

Segundo a Pol?cia, durante o assalto, o carro-forte da empresa de vigil?ncia Corpvs foi abordado por quatro homens em duas motocicletas logo ap?s deixar o supermercado Super Fam?lia, na Rua Ildefonso Albano, e entrar na Rua Padre Valdevino. No estabelecimento, o ve?culo teria recolhido malotes com dinheiro para transport?-los at? um banco, na Aldeota. Usando pistolas e escopetas, os bandidos anunciaram o assalto. Os vigilantes reagiram e come?ou a troca de tiros. Um dos bandidos foi atingido e abandonou a motocicleta na Rua Ant?nio Augusto.

Conforme a Pol?cia, na a??o, os bandidos, teriam disparado, pelo menos, sete vezes contra os seguran?as. Os tiros foram feitos de uma pistola calibre 0.40, arma de uso restrito da Pol?cia. O outro disparo foi de uma escopeta, calibre 12. A arma foi disparada uma vez, mas ?engasgou? (falhou). Mesmo assim, os estilha?os do proj?til feriram o vigilante Ant?nio A?rton Sampaio Barros, que foi socorrido para o Instituto Doutor Jos? Frota (IJF).

A escopeta pertence a um comerciante residente em Aracoiaba. Ele compareceu na delegacia com o registro da arma e informou que a escopeta havia sido roubada de sua resid?ncia, h? cerca de 15 dias.

O dono da arma afirmou para o delegado F?bio Fac?, que n?o fez o Boletim de Ocorr?ncia (BO), na ?poca do roubo, porque estava viajando.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar