Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

TJ julga PM acusado de matar estudantes no Ceará

O capitão foi denunciado pelo Ministério Público, como autor de duplo homicídio qualificado

Compartilhe

O Tribunal de Justi?a do Estado julga no pr?ximo dia 27, o processo que pode resultar na perda de patente do capit?o PM Daniel Bezerra Gomes. O oficial est? preso, preventivamente, desde o ano passado, acusado de ter assassinado os estudantes de Medicina e irm?os, Marcelo e Leonardo Moreno Teixeira.

O duplo assassinato ocorreu no dia 17 de mar?o de 2007, na cidade de Iguatu. Depois de assassinar os jovens universit?rios, o oficial da PM fugiu da cidade levando consigo a arma do crime, um rev?lver de calibre 38, que at? hoje n?o foi encontrada.

O capit?o foi denunciado pelo Minist?rio P?blico, como autor de duplo homic?dio qualificado, cuja pena pode chegar a 60 anos de pris?o.

Al?m do processo criminal, o capit?o Daniel Bezerra j? foi considerado desqualificado para permanecer na tropa. O parecer foi tomado pelos tr?s oficiais que integraram o Conselho de Justifica??o, formado pelo comando da Pol?cia Militar.O documento foi encaminhado ao secret?rio da Seguran?a P?blica, Roberto Monteiro, que enviou ao governador e no dia 17 de julho, Cid Gomes assinou o ato de expuls?o do PM, durante um ato p?blico, na cidade de Momba?a. A expuls?o, por?m, tem que ser referendada pelo Tribunal de Justi?a.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar