Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Governador autoriza PPP do Pavilhão de Feiras e Eventos

O investimento total será de R$ 30,445 milhões, para os 30 anos de concessão

Compartilhe
Google Whatsapp

O governador do Piauí sancionou na quinta-feira, 10 de janeiro, o projeto de lei que autoriza  a concessão onerosa de uso do Pavilhão de Feiras e Eventos em Teresina, mediante o firmamento de Parceria Público-Privada (PPP).

A matéria já havia sido discutida em audiência pública e recebido a anuência no Poder Legislativo. O modelo operacional do equipamento foi apresentado pela empresa SBS, que apresentou uma proposta de revitalização do equipamento, reestruturação, ampliação do estacionamento, criação de um espaço exclusivo para a praça de alimentação completa, espaço especifico para o atacadista e demais mix que não deve influenciar no desempenho dos atacadistas.

Paulo Barros

Além disso, o perfil do público desejado será de 12% das classes A e B, 50% classe C e 38% na classe D, pensando principalmente no público da zona sul de Teresina, que será a maior beneficiada do projeto.

O investimento total será de R$ 30,445 milhões, para os 30 anos de concessão. O custo de operação do equipamento será aproximadamente de R$ 307 mil/mês, com geração de emprego prevista de cerca de 500 empregos diretos e outros 300 indiretos.

Com o desenvolvimento de uma série de PPPs no Piauí, está em vigor uma resolução que dispõe sobre o procedimento de hierarquização e priorização para a orientação da escolha de projetos para compor o Programa de Parcerias Público Privada do Estado do Piauí. O indicativo regulamenta o procedimento de avaliação dos projetos objeto de estudos e apresentados ao Conselho Gestor para escolha orientada pela aplicação de critérios de priorização.

Para a aplicação dos critérios de análise dos projetos, irão ser considerados, dentre outros pontos, como o nível de aderência do projeto aos planos e instrumentos de planejamento da Administração Pública Estadual, avaliando a inserção do projeto nas estratégias previstas; o grau de atratividade do setor privado ao projeto, definido pela demonstração de interesse de empresas privadas, com relação à participação em processo licitatório.

Também estão entre os critérios de prioridade, o nível de capacidade administrativa em estabelecer instrumentos que viabilizam a regulação, monitoramento e transparência quanto à gestão do contrato firmado; tal como o grau de aceitação das instituições políticas estaduais no que se refere à compreensão dos objetivos e aceitação da modelagem como mecanismo de contratação para o projeto. Além do nível de compreensão e aceitação da sociedade em relação ao projeto e à forma de contratação do mesmo e o nível de envolvimento e comprometimento dos secretários estaduais e dos servidores com o projeto, como também o critério que indica as referências positivas de projetos semelhantes no país e o grau de aprendizado dos entes políticos e do setor privado.


Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp
Carregar os comentários (0)

comentários

fechar comentários
Nenhum comentário feito até o momento

veja também

Recomendamos

Localização

Definir a localização padrão

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Fique por dentro

Receba notícias quentinhas diretamente no seu whatsapp

Continuar

Falta pouco, agora escolha as categorias que deseja receber notícias

Aperte (ctrl + clique) para selecionar vários
Pronto!

Agora você passará a receber novidades diretamente no seu whatsapp.

Termos de uso

Texto

Política de privacidade

Texto