O suplente Júnior Macedo (PSD) disse nesta quarta-feira, 22, que vai entrar na Justiça ainda na manhã desta quarta-feira, 22, para restabelecer seu direito de assumir à vaga na Câmara Municipal de Teresina.

"Entramos em contato com Procuradoria da Câmara na tarde de terça e a Procuradoria vai disponibilizar o requerimento com a resposta e o porquê da Mesa Diretora não ter tomado a decisão pela posse naquele momento".

O suplente disse que vai assumir e se o secretário Renato Berger vai voltar ou não, será outro momento. "Vou assumir, este momento é meu", disse, declarando que o regimento interno da Câmara não está sendo bem interpretado.

Júnior Macedo diz que questão vai ser judicializada (Isabel Cardoso)Júnior Macedo diz que questão vai ser judicializada (Isabel Cardoso)

"O regimento diz que o suplente, com justificativa pode, temporariente, não poder assumir num determinado momento. "Foi isso que fiz há 2 meses e hoje estamos preparados para assumir e ajudar o povo de Teresina", disse.