Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
Jornal Agora

Castelo: Professor que teve nome escrito em ata rasurada diz que ação foi ilegal

Compartilhe

Em reportagem exibida recentemente sobre o caso do estupro coletivo em Castelo do Piauí, em Rede nacional, uma ata de registro da associação de segurança do policial, Elias Júnior, acusado de ser mandante do caso, foi filmada e chamou atenção por estar rasurada.

Com exclusividade, o Programa Agora conseguiu falar com o homem cujo nome foi colocado na ata. Ele é João Roberto, professor no município de Castelo e afirmou que seu nome foi escrito de forma ilegal. Ele disse ainda que não tem ligação alguma com a associação de segurança e a família de Elias Júnior.

 Confira áudio completo:


Confira trecho em que a ata aparece rasurada: 


Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar