Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
Jornal Agora

Doze acusados são julgados em Teresina e podem ser penalizados com até 30 anos de detenção

Compartilhe

A lei do feminicídio foi sancionada dia 09 de março de 2015 e até agora no Piauí, doze acusados estão enquadrados na nova legislação. São quatro em Teresina e oito no interior do Estado. Esses homens mataram ou tentaram matar mulheres, em sua maioria namoradas e esposas.

A feminicídio tem como objetivo endurecer a lei contra os homens que ainda insistem em praticar violência contra mulheres. É válido lembrar que a lei do feminicídio é dura contra homens violentos que, se condenados, deverão cumprir pena que varia de 12 a 30 anos.

A pena pode aumentar se o crime for praticado durante gestação, três meses após o parto, menores de 14 anos e maiores de 60, com deficiência, ou na presença de familiares próximos (em muitos casos filhos presenciam violência).

O acusado de assassinar Aniely Magalhães da Silva, de apenas 15 anos, foi o primeiro denunciado pelo ministério público. Aniely foi morta pelo ex-namorado, Romildo Gomes Ferreira, de 19 anos, com tiro na cabeça. Segundo testemunhas, a vítima vinha sendo ameaçada pelo acusado, caso terminasse o namoro de 2 anos.

Outro caso que cabe à lei do feminicídio é o assassinato da trabalhadora rural Raimunda Sousa Leite, que foi estuprada e torturada por Cícero da Silva Oliveira, em Valença.

Em Teresina, a Delegada Tânia Miranda é a responsável pelo cumprimento da lei do feminicídio do Piauí. Além dos atentados diretos, vinganças através do compartilhamento de fotos íntimas serão enquadradas na nova lei.


Image title

Image title

Image title

Image title


Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar