Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
Jornal Agora

Dr. Pessoa afirma que Júlio César o trata como "garotão" no PSD

Compartilhe

Em encontro com a governadora do Piauí em exercício, Margarete Coelho (PP), o deputado estadual Dr. Pessoa (PSD) fez criticas à postura do deputado federal Júlio Cesar no comando do partido. Pessoa afirmou que o presidente do partido o trata como um “garotão” e destacou que pode sair do PSD caso a situação não mude. 

O encontro, que foi aberto à imprensa, aconteceu na manhã desta terça-feira (12) e foi um dos temas do quadro Jogo do Poder, do Jornal Agora. Dr. Pessoa ainda afirmou que Júlio César tem priorizado pessoas ligadas a ele em suas decisões políticas. 

Jogo do Poder (Crédito: Reprodução )
Jogo do Poder (Crédito: Reprodução )

Ouvido pelo repórter Efrém Ribeiro, o deputado estadual Georgiano Neto (PSD), filho do deputado Júlio César, que negou as afirmações de Dr. Pessoa. Segundo, o deputado estadual, o PSD esteve ao lado de Dr. Pessoa nas eleições de 2016 para a Prefeitura de Teresina. 

“Ele está sendo injusto com o deputado Júlio César, é bom a gente olhar para o passado e ver as ações que o partido tomou para beneficiar o Dr. Pessoa, inclusive, no ano passado o partido fazia parte da composição do secretaria do prefeito Firmino Filho, entregou os cargos para abraçar integralmente a candidatura do Dr. Pessoa”, afirmou. 

Ainda de acordo com Georgiano Neto, a estratégia do partido para 2018 é ter Júlio César como candidato ao Senador e Dr. Pessoa como candidato a deputado federal. 

Margarete Coelho vaiada

Na última segunda-feira (11), governadora do Piauí em exercício, Margarete Coelho, foi vaiada por membros do Partido dos Trabalhadores em um evento no Teatro 4 de Setembro, em Teresina. Sobre o assunto, Margarete minimizou. 

“É super compreensível. Eu tenho todo o respeito pelas manifestações democráticas. A vaia foi educada, foi uma coisa extremamente normal e não teve nenhum constrangimento de minha parte”, afirmou

De acordo com Margarete Coelho, o momento político brasileiro carece de muito diálogo, tendo em vista as tensões existentes entre os diversos grupos políticos. 

“Eu tenho um respeito muito grande pelas oposições, o governo que não tem uma oposição forte, que ajude a corrigir os rumos em certas horas, é um governo que tende a errar mais. Nós temos que dialogar, é um momento político muito tenso no Brasil.

Júlio Arcoverde minimiza

O presidente do Partido Progressista no Piauí, deputado estadual Júlio Arcoverde, destacou que o grupo que tem vaiado os membros dos progressistas em solenidades é composto por membros do PT que não concordam com aliança entre as duas siglas no Piauí.

“Esses que vaiam são os mesmos que vaiam em todos os eventos. Fomos vaiados na Lagoas do Norte e em Parnaíba, pelo mesmo núcleo do PT. Quando a gente tira as fotos para ver são os mesmos gatos pingados que realmente não pensam em favor do Piauí”, afirmou. 



Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar