Um homem identificado apenas como Jonathan, suspeito de agredir um idoso até a morte após furtar a ovelha da vítima foi preso pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) na noite de segunda-feira, 21 de novembro. 

O crime foi registrado no dia 29 de outubro desse ano nas proximidades da Taboca do Pau Ferrado. O senhor Miguel Ferreira de Matos, de 68 anos, foi espancado com socos e pontapés após tentar recuperar uma ovelha sua que teria sido furtada por Jonathan e seu irmão José Williams. 

Jonathan foi preso acusado do crime e confessou que esteve no local - Foto: Rede Meio NorteJonathan foi preso acusado do crime e confessou que esteve no local - Foto: Rede Meio Norte

De acordo com o delegado Bruno Ursulino, do DHPP, o acusado confessou que esteve no local, mas acusa o próprio irmão de ter cometido o crime. “A gente acabou abordando ele lá nas proximidades do escritório do advogado, o advogado trouxe ele até a delegacia onde ele foi ouvido, ele confessa que realmente esteve lá no local, relatou como foi todo o cenário das agressões. A gente sabe que um se apresentando é natural jogar a culpa para o outro, a investigação está bastante robusta nesse sentido e a gente sabe que os dois tiveram participação efetiva”, declarou. 

“Eles conheciam o local porque eles cresceram naquela região, nesse dia eles passaram o dia bebendo e usando drogas na casa do pai do José Williams porque eles são irmãos apenas por parte de mãe. No caminho infelizmente passando próximo a propriedade do seu Miguel subtraíram a ovelha dele. Ele tentando reaver seu bem foi atrás, acabou tendo esse embate corporal, seu Miguel saiu bastante lesionado e acabou não resistindo aos ferimentos por conta de hemorragias internas e veio a óbito”, detalhou o delegado. 

Delegado Bruno Ursulino falou detalhes do depoimento do acusado - Foto: Rede Meio NorteDelegado Bruno Ursulino falou detalhes do depoimento do acusado - Foto: Rede Meio Norte

Ainda segundo Ursulino, apenas um deles principalmente no estado de alcoolismo e uso de entorpecentes em que eles se encontravam, não teria condição de dominar a vítima. “A ação conjunta deles dois foi que permitiu agredir a vítima de tal forma que ele não resistiu aos ferimentos. Agora o irmão dele José Williams se encontra foragido. Metade do serviço está concluído com a prisão do Jonathan, a outra metade a gente segue firme nas investigações para que a gente possa estar o quanto antes realizando a prisão”, disse. 

“Eles agrediram a vítima a base de pontapés, socos, tanto que lá no local a vítima portava uma arma de fogo artesanal e essa arma foi subtraída, ele nos revelou que de fato essa arma estava com ele mas deu fim, não nos revelou para onde foi. Isso é mais um ponto da investigação que demonstra que eles estavam lá no local e ele não nega, o que existe é a versão dele tentando tornar tudo que aconteceu mais favorável para ele”, afirmou o delegado.

Jonathan não tinha passagens pela polícia, mas o seu irmão já tem passagem por roubo no início desse ano.

Vítima morreu espancada após tentar reaver ovelha furtada - Foto: Rede Meio NorteVítima morreu espancada após tentar reaver ovelha furtada - Foto: Rede Meio Norte