Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros
Bom Dia Meio Norte

Mulher quase é agredida por homem após batida de trânsito em THE

Compartilhe
Google Whatsapp

As imagens que foram gravadas por câmeras de segurança de um condomínio na zona Sul de Teresina mostram o flagrante de uma tentativa de agressão a uma mulher após um acidente de trânsito ocorrido no último sábado. A vítima foi identificada como a cinegrafista Nina Sousa que estava no carro com a filha e a mãe já idosa, ela conta que viveu momentos de terror.

“Quando ele bateu no meu carro ele foi para frente um pouco e eu fiz o que eu achava que era o certo, eu fui para o acostamento para ele descer do carro para a gente conversar, para saber se tinha quebrado o carro, ou para ouvir dele um pedido de desculpas. Só que quando ele desceu do carro já foi logo me agredindo, primeiro ele bateu no capô do veículo, depois ele foi esmurrar a porta do motorista para abrir e me bater. Ele estava louco, me agrediu moralmente. Eu tentei sair pela porta do passageiro já que não podia sair pela do motorista porque ele estava impedindo a saída. Eu vim pela porta do passageiro, ele me empurrou, só não me bateu porque as pessoas entraram no meio e ficou o tempo todo me xingando, estava totalmente embriagado”, declarou ela.


Homem quase agride mulher (Crédito: Reprodução)
Homem quase agride mulher (Crédito: Reprodução)

Ao ouvir os gritos e a movimentação do lado de fora do condomínio, um agente de portaria correu para ajudar a vítima.

“Eu estava do lado, quando eu saí já me deparei com ele chutando o carro dela, agredindo com palavras, a gente foi tentar acalmar ele mas estava todo o tempo nervoso, chegou até a empurrar o rapaz. Ele totalmente agressivo, sem escrúpulos, ia acontecer pior se a gente não aparecesse”, disse.

Nina conseguiu identificar o acusado que segundo ela é conhecido apenas como Rivinha. “Eu fui na delegacia prestar queixa e vou processar ele porque ele vai ter que pagar, eu quero que ele pague pela Justiça, porque isso que acontece comigo acontece todos os dias com várias mulheres, está na hora de parar”, afirmou.

O Código Brasileiro de Trânsito prevê penalidades rígidas para quem dirige embriagado, entre elas multas no valor de R$ 2.934,70, perda de 7 pontos na CNH, suspensão imediata do direito de dirigir por 12 meses e até detenção de 6 meses a 3 anos.

Vítima já identificou acusado (Crédito: Reprodução)
Vítima já identificou acusado (Crédito: Reprodução)
Homem quase agride mulher (Crédito: Reprodução)
Homem quase agride mulher (Crédito: Reprodução)



Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar