Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
Bom Dia Meio Norte

“Procuramos avançar mas dentro do limite do Estado", afirma Merlong Solano sobre negociações

Compartilhe

Na manhã desta terça-feira (26/05), o programa Bom Dia Meio Norte recebeu em seus estúdios o Secretário de Governo, Merlong Solano, para falar sobre a reunião com as categorias policiais realizada nesta segunda-feira (25) afim de negociar o pagamento do reajuste salarial e evitar uma greve no Piauí.

“Nós estamos nesse momento envolvidos em um debate importante com a área da segurança. No governo passado foi aprovado uma série de reajustes, ocorre que diante a situação financeira em que o Estado se encontra nesse momento não há condição de integralmente levar para a folha tudo que foi aprovado no passado. A gente teria dificuldade financeira grave para honrar esses compromissos e fatalmente ficaria fora dos limites da Lei de Responsabilidade Fiscal no 2º semestre, o que traria um grave prejuízo para a sociedade piauiense porque o estado do Piauí ficaria impossibilitado de realizar uma série de transações com o Governo Federal”, declarou Merlong Solano.

Image title

Sobre o que foi oferecido para as categorias, o Secretário destacou que o Governo sempre está aberto ao diálogo e que além dessa questão de imediato implantar 50%, houve um avanço em pontos importantes para a categoria. “Eles reclamavam que há muito tempo não havia promoções, nós vamos retomar as promoções com metade do impacto já este ano e a outra metade no ano que vem. Avançamos em questão a substituição dos delegados assumindo um compromisso de enviar uma lei para a Assembleia regulamentando a gratificação e também o número de cidades pelas quais o delegado poderá responder”, disse.

Ao ser indagado sobre como os policiais receberam essa colocação do Governo, Merlong destacou. “Nós assinamos um documento conjunto, apresentando essas propostas e eles hoje apresentarão para as categorias. O meu sentimento é que as lideranças tenham uma certa compreensão do momento. Eles são cientes das suas responsabilidades de defender suas categorias quando chegam nas suas Assembleias sofrem com certas pressões mas o nosso limite é a situação do Estado. Quem governa tem que governar para a toda a sociedade. Por outro lado não podemos de maneira nenhuma voltar para a inadimplência”, declarou o Secretário.

Image title



Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar