'Já estava escrito. Chegou a hora dele',diz empresário de Cristiano

O músico deixou dois filhos: João Gabriel, de 6 anos, e Bernardo,

Um mês após a morte de Cristiano Araújo e de sua namorada, Allana Moraes, Victor Leonardo, empresário do sertanejo e que também estava no acidente de carro, avaliou o ocorrido e fez questão de não deixar a culpa ficar toda na conta do motorista, Ronaldo Miranda - que poderá ser indiciado por homicídio culposo, quando não há a intenção de matar, após confessar que dirigia acima da velocidade permitida.


Image title

"O acidente poderia ter sido evitado? Poderia. Mas já estava escrito, marcado. Infelizmente a hora dele chegou. Na minha opinião, não há culpados. Foi feita a vontade de Deus. Resumindo é isso. É muito triste ver as pessoas culpando alguém. Falaram que o cara tinha dormido ao volante. Isso não aconteceu. Teve o estouro [do pneu], sim, e foi aí que ele perdeu o controle. Ele [o motorista] quase não sai de casa desde então. Converso sempre com ele, dou poio, mas é muito difícil, né?", disse.

Vitor lembrou ainda que tinha uma relação bem próxima com o cantor, que ultrapassava o profissional, a ponto de ter sido escolhido para ser padrinho de um de seus filhos, o Bernardo.

Fonte: Com informações do MSN