MPF recusa vídeo de Lírio nu após suposta agressão a Luiza Brunet

O vídeo dura 39 segundos e Lírio aparece deitado

A atriz Luiza Brunet gravou um vídeo no celular que mostra seu ex, Lírio Parisotto, seminu na cama do apartamento dele no Plaza Residence, em Nova York. O video foi feito no dia em que ela foi agredida por ele e apresentadas ao Ministério Público de SP por ela, com a intenção de produzir provas contra o ex.

Nas imagens que duram 39 segundos, Lírio aparece deitado. Ela se aproxima para filmá-lo. O empresário se cobre rapidamente com um roupão de banho e tenta impedi-la, tentando chutar o celular. Ela segue filmando, e ele se limita então a observá-la, fumando um charuto.

MP aceita denúncia contra ex- marido de Luiza Brunet por agressão (Crédito: Reprodução)
MPF recusa vídeo de Lírio nu após suposta agressão a Luiza Brunet (Crédito: Reprodução)


"Esse é o Lírio Parisotto pelado. Acabou de me encher de porrada. Por quê? Porque é um idiota! Esse moço aqui, ó. Tá vendo? Esse aqui é o Lírio Parisotto", narra a atriz. "Me bateu hoje, me bateu outras vezes por causa da ex-mulher dele, né? A dona Tânia. Hoje, uma hora da manhã. São uma hora da manhã. Esse senhor me bateu", continuou Luiza.

O MP já analisou as imagens e as considerou pouco relevantes para a denúncia, uma vez que ele não se mostra agressivo com a ex modelo. Parisotto se tornou réu nesta segunda (25). Ele pode ser condenado por lesão corporal leve por causa do episódio em Nova York. E também por lesão grave: em dezembro do ano passado, em outra briga, ela teria quebrado um dedo, ficando impedida de trabalhar.

Fonte: Com informações do Pure People