Termina no próximo final de semana corte de IPI para eletrodomésticos

O governo cortou em dezembro o IPI cobrado sobre geladeiras, fogões, máquinas de lavar roupa e tanquinhos.

A redução do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) para os eletrodomésticos da linha branca deve terminar no próximo sábado (30). A indústria, porém, pede nova prorrogação da medida, que começou a valer em dezembro de 2011.

O governo cortou em dezembro o IPI cobrado sobre geladeiras, fogões, máquinas de lavar roupa e tanquinhos. Em março, quando a medida deveria chegar ao fim, o governo anunciou a prorrogação e também incluiu os setores de móveis, laminados e luminárias.

Desta vez, porém, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, diz que não haverá prorrogação. "O governo não está pensando em prorrogar o IPI. Portanto, se você está pensando em comprar uma geladeira ou um fogão, aproveite porque pode ser sua última chance", disse o ministro na semana passada.

Desde dezembro do ano passado, a alíquota sobre os fogões, que pagavam 4% de IPI, está zerada. O imposto foi reduzido de 15% para 5% para as geladeiras e de 20% para 10% para as máquinas de lavar. A alíquota sobre tanquinhos, que era 10%, também caiu para zero.

Fonte: Jornal Meio Norte