Liquida Teresina anima os lojistas com projeção de movimentar R$ 60 mi na capital

Liquida Teresina anima os lojistas com projeção de movimentar R$ 60 mi na capital

uitos lojistas de Teresina, que enfrentavam o período de desaquecimento nas vendas, estão festejando a primeira edição do Liquida Teresina

A primeira edição do “Liquida Teresina”, que faz parte da estratégia dos lojistas da capital para atrair clientes nesta época em que o comércio passa por fase de desaquecimento, conta com a adesão de mais de 2.000 lojas, desde o centro, shoppings e até o comércio de bairros. O Liquida Teresina, que começou na quinta-feira, tem duração de 10 dias e oferece um leque de produtos com descontos reais, além de sorteio de prêmios entre os consumidores.

Em meio à estratégia, a clientela que foi às compras, estimulada pelas promoções, notou que grandes redes de lojas de fora não aderiram ao projeto, personalizando seus ambientes, mas algumas delas se preocuparam em colocar peças com preços promocionais.

Segundo o presidente da Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL), Evandro Cosme, mesmo em pouco tempo a campanha já traz resultados positivos. “O objetivo de quem formulou é vender e atingir todas as metas. Diversos segmentos estão engajados nessa campanha, tudo que estávamos planejando para acontecer está acontecendo”, afirma o presidente, acrescentando que o projeto vai trazer para o calendário lojista mais uma data importante e lucrativa.

Para José Francisco, gerente de vendas de uma das lojas que aderiram a esta promoção, o momento é de aproveitar e garantir boas vendas. “Final de mês, a gente sofre um pouco com as poucas vendas, é um período fraco. Mas agora é diferente, estamos tendo mais procura. A expectativa é que a gente venda mais ainda”, explica o gerente, afirmando que todos os produtos da loja têm descontos a partir de 25%.

Outro gerente que aprova o “Liquida Teresina” é Elissandro Gomes. Segundo ele, a iniciativa é muito importante por gerar movimento de vendas e grandes lucros. Assim como José Francisco, Elissandro concorda que a campanha chegou em bom momento para estimular as vendas. “Final de mês é mais complicado. As vendas diminuem bastante e então o período em que o Liquida foi instalado é bem propício para vendermos bem”, comenta.

Elissandro Gomes disse que o Liquida vai trazer muitos benefícios em pouco tempo. Segundo ele, a promoção está mobilizando muitas pessoas para irem às compras. “Como tem várias lojas aderindo a esta mobilização, acredito que o retorno e os lucros vão ser de curto prazo”. Na loja em que ele é gerente, 40% do estoque foram disponibilizados com descontos que variam entre 30 a 35%.

E além de preços mais baixos, a forma de pagamento da loja também ganhou mudanças, já que foi aumentado o parcelamento das compras. Tudo isso, a fim de aproveitar bem estes 10 dias de promoção nas lojas. O Liquida já é uma campanha realizada em mais de 15 estados. A projeção é que o evento promova uma movimentação de mais de R$ 60 milhões no comércio da capital e gere aos cofres públicos R$ 6 milhões.

Clientes antecipam os presentes das crianças


Aproveitando as ofertas e descontos que podem chegar até 70%, muitos consumidores decidiram sair às compras, até mesmo com a intenção de já garantir o presente das crianças e ainda o de Natal. É o caso da técnica em enfermagem Luana Martins, que diz já aproveitar as promoções para comprar o presente dos filhos.

“Estou levando algumas roupas e escolhi alguns brinquedos também. Está tudo com preços bem em conta. Comprei com descontos de 30% e de 50% e como na época do Dia das Crianças os preços tendem a aumentar, vou levar logo agora e guardar para entregar para eles na data”.

Já a professora Maria do Socorro comprou uma televisão e máquina de lavar com descontos de 40%. E não foi só isso, ainda garantiu o presente de alguns netos ao escolher roupas e brinquedos com descontos de até 50%. “Eu estou aproveitando tudo, tanto os preços que cabem no meu orçamento, quanto as facilidades de pagamento, já que foram estendidas. Essa campanha é uma maravilha, espero que continue nos próximos anos”, pontua.

Clique aqui e curta a página do Meio Norte no facebook

Fonte: Djalma Batista e Flávia Araújo