Perícia investiga possíveis causas do acidente que vitimou jovem

A jovem morreu e cinco amigas ficaram feridas.

O acidente que ocorreu no início da manhã de sábado (10), na BR- 230, que corta os municípios de São Julião e Fronteiras deixou uma vitima fatal e cinco jovens feridas. A hipótese levantada é que a condutora Valdenia Rocha, tenha deixado o carro invadir o acostamento. Recentemente a BR passou por um recapeamento, com a obra muitos trechos ficaram com desnível no asfalto deixando-o mais alto do que o acostamento.

Após o surgimento dessa hipótese, um portal local realizou algumas imagens de onde aconteceu o acidente, é possível ver as marcas que o carro fez ao invadir o acostamento que tem uma grande diferença de altura para o asfalto, reforçando a hipótese de que quando o carro invadiu o acostamento em velocidade, a condutora tenha tentado voltar para o asfalto, em uma velocidade considerável, perdendo assim o controle.

O local do acidente não é em curva, e sim em uma reta, o que sustenta mais ainda a teoria de que a diferença de desnível do asfalto para o acostamento seja causador da tragédia, nessas condições, com o veículo em movimento saído do asfalto para o acostamento, e ao tentar retornar, essa diferença na elevação pode ter causado o descontrole do carro fazendo com que ele tombasse varias vezes.

O acidente deixou uma vitima fatal. A jovem Samantha Brito que veio a óbito no local. O corpo da universitária foi velado na residência dos pais em Alagoinha.

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Fonte: Com informações do Piaui em Foco
logomarca do portal meionorte..com