Identificadas 16 vítimas mortas em chacina; incluindo um piauiense

Os familiares das vítimas afirmam que elas não eram criminosos.

Os nomes de 16 das 18 vítimas da série de ataques em ruas de Osasco e Barueri, na região metropolitana de São Paulo foram divulgados.

Os boletins de ocorrência sobre o caso informam que as vítimas já identificadas são homens entre 16 e 41 anos.O secretário de Segurança Pública, Alexandre de Moraes, classificou os ataques de “a maior chacina deste ano”. De acordo com Moraes, 15 mortes foram em Osasco e três em Barueri.

Os ataques ocorreram em dez pontos diferentes das cidades, a maior parte deles perto de um bar de Osasco, no limite com Barueri. Os familiares das vítimas afirmam que elas não tinham envolvimento com crimes.

Veja quem são as vítimas:

OSASCO

RUA ANTONIO BENEDITO FERREIRA


– Fernando Luiz de Paula, 34 anos, pintor. Estava no bar quando foi morto.


– Eduardo Oliveira dos Santos, 41 anos, artesão. Estava indo com o amigo Thiago Marcos Damas para um ponto de ônibus quando pararam para beber no bar.


– Thiago Marcos Damas, 32 anos, auxiliar de escritório. Segundo a mãe, estava desempregado e usava o tempo livre para ajudar as irmãs. Foi para o bar com Eduardo Oliveira dos Santos.


– Leandro Pereira Assunção, 36 anos, mecânico.


– Antônio Neves Neto, 40 anos.


– Tiago Teixeira de Souza, piauiense natural de Domingos Mourão.


– Dois homens ainda não identificados.

RUA ASTOR PALAMIN


– Jonas dos Santos Soares, 33 anos, operador de máquinas. Era casado e tinha três filhas. Segundo a irmã, ele estava de folga e saiu à noite para beber com um amigo.


– Igor Silva Oliveira, 19 anos, ajudante-geral. Era o amigo de Jonas e morreu com o colega em um bar.

RUA MOACIR SALES D'ÁVILA


– Rafael Nunes de Oliveira, 23 anos, conferente.

RUA CUIABÁ


– Presley Santos Gonçalvez, 26 anos, entregador. Deixa dois filhos. Eduardo Oliveira dos Santos foi uma das vítimas do ataque em Osasco. 

AVENIDA EURÍDICO DA CRUZ


– Eduardo César, 26 anos.

RUA PROFESSOR SUD MENUCCI


– Rodrigo Lima da Silva, 16 anos, estudante. Segundo a mãe dele, o rapaz tinha largado a escola ia ser pai em breve. Foi morto quando conversava com o dono de um comércio.

RUA VITANTÔNIO D'ABRIL


– Deivison Lopes Ferreira, 26 anos, ajudante geral. Estava indo para a casa de um amigo quando foi baleado.

BARUERI

RUA CARLOS LACERDA


- Wilker Thiago Correa Osório, 29 anos. RUA IRENE
- Jailton Vieira da Silva, 28 anos, ajudante geral. Estava em um bar quando foi morto. Deixa três filhos.


- Joseval Amaral da Silva, 37 anos. Sete pessoas ficaram feridas nos ataques, sendo três mulheres. Seis delas estão internadas. Um dos feridos chegou a ser socorrido, mas não foi levado para o hospital, segundo o boletim de ocorrência.


Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Fonte: Com informações do G1