Policia segue em diligências para prender acusado de matar vereador

O acusado de nome Jailson Xavier ainda não foi preso pela polícia.

Equipes da Polícia Civil e Militar seguem em diligências para tentar prender o acusado de assassinar o vereador e presidente da Câmara de Vereadores de Esperantina, a cerca de 188 km de Teresina,  Antonio Aristides de Carvalho, de 64 anos, conhecido como Tote Aristides, que morreu ao ser atingido a tiros nas proximidades de sua própria residência, na noite de domingo, dia 28 de agosto.

De acordo com informações repassadas pelo delegado Leonardo Alexandre,  os policiais estão realizando buscas na zona urbana e rural do município, visando capturar o acusado, identificado como Jailson de Sousa Xavier, mais conhecido por Chapéu { foto abaixo].

O secretário estadual da Segurança Publica, Fábio Abreu, se encontra em Esperantina, acompanhando o trabalho da policia com o objetivo de efetuar a prisão do criminoso. 

Jailson de Sousa Xavier, conhecido como, Chapéu
Jailson de Sousa Xavier, conhecido como, Chapéu

Vereador já ajudou acusado de seu assassinato

O colaborador do Portal Meio Norte, Paulo Melo, informou que o vereador, que é pai de sete filhos, já tinha ajudado a tirar o acusado da prisão: “O vereador é aquele perfil de vereador do interior que ajuda muito as pessoas carentes, esse rapaz que matou ele era frequentador da residência do vereador Tote, era uma pessoa amiga, tanto é que ele se sentiu no direito de tentar acalmar os ânimos da discussão dele com a companheira dele. Ele já tinha passagem pela polícia e o vereador já tinha ajudado em outras ocasiões a tirá-lo da cadeia, isso acabou chocando a cidade como um todo”, disse.

 Antonio Aristides de Carvalho,
Antonio Aristides de Carvalho,


O crime

De acordo com informações repassadas pela Polícia Militar, Tote Aristides estava realizando visitas aos seus eleitores, quando, de repente, teve início uma briga de casal. Ao tentar impedir que a mulher fosse assassinada pelo marido, foi alvejado com dois de revólver no peito.


Fonte: Portal Meio Norte