Riqueza arqueológica do Piauí é destaque em programa de TV; saiba

O Programa “Como Será?” exibiu a Serra da Capivara.

As riquezas do Piauí foram novamente pauta na imprensa nacional. Dessa vez, a riqueza arqueológica existente no Parque Nacional da Serra da Capivara, localizado em São Raimundo Nonato, foi exibida no Programa “Como Será?”, apresentado pela jornalista Sandra Annemberg, na TV Globo, no último sábado (12).

Na reportagem, o jornalista Alexandre Henderson explica que o Piauí abriga tesouros arqueológicos de milhares de anos. A reportagem mostra as teorias sobre a origem do homem americano e as espetaculares artes rupestres e o jornalista participa de uma expedição arqueológica, aprende a escavar e ainda faz um tour pelo Museu do Homem Americano.

Segundo o secretário estadual do Turismo, Flávio Nogueira, o Piauí tem se destacado, em nível nacional, por suas riquezas. Reportagens nesse sentido são importante para que as pessoas de outros estados possam tomar conhecimento das potencialidades do estado e queiram vir visitar. “Tivemos recentemente reportagens exibindo que o maior Cajueiro do Mundo pode estar no Piauí e agora a Serra da Capivara, com toda a sua riqueza arqueológica. É no Piauí que as pesquisas apontaram que fica o berço do homem americano e isso é muito bom para o fortalecimento do nosso turismo arqueológico”, pontua.

Nogueira lembrou que esse potencial tem ainda mais chances de ser divulgado com o funcionamento do Aeroporto Internacional de São Raimundo Nonato, que já anima empresários locais para investir em pousadas, hotéis e restaurantes e, assim, poder oferecer melhores opções aos turistas que visitam a região.

A Serra da Capivara abrange uma área de 130 mil hectares, onde foram encontrados vestígios de fogueiras feitas há, pelo menos, 50 mil anos. No local, há 22 sítios arqueológicos. Na reportagem exibida pela TV Globo, há ainda uma entrevista com a arqueóloga Niede Guidon, fundadora do parque, sobre as descobertas feitas no local.

Image title


Fonte: Portal MN