Velório de jovem degolado é marcado por emoção e revolta

O crime bárbaro chocou todo o país.

Nesta quinta-feira (04/05), aconteceu na cidade de Urucuí o velório e sepultamento do jovem Flaviano da Silva Marinho, degolado por três adolescentes após presenciar o estupro da namorada de 15 anos ocorrido na madrugada de quarta-feira (03), no município. O fato aconteceu sob clima de bastante emoção e tristeza por parte de familiares e contou com a presença de centenas de moradores da cidade que se comoveram com a situação. Em diversos momentos a mãe de Flaviano passou mal e teve que ser amparada.

O repórter do município, Jailton Silva, conversou com o tio de Flaviano, Givaldo Antônio, que falou que a família espera por justiça nesse ato covarde.

“Meu sentimento é de muita tristeza de ver meus irmãos daquele jeito, ter meu sobrinho assassinado covardemente daquela forma. Eu peço Justiça, que esse pessoal da força máxima não deixe mais aqueles meninos fazerem isso com filho de ninguém, para ninguém sofrer mais. Meu irmão, minha cunhada estão sofrendo muito, ela está morrendo de desespero, eu não quero que isso aconteça mais, eu peço pelo amor de Deus”, falou ele.

Givaldo afirmou que ninguém tinha o que reclamar do seu sobrinho. “Ele era muito obediente, muito amigo, os vizinhos só tem que falar bem dele, da amizade que ele tinha com os outros, o respeito que ele tinha. E aconteceu um negócio desses covardemente com ele, é revoltante”, disse.

Ele informou ainda que a família está organizando uma manifestação domingo no município pedindo por paz e Justiça. “A família está em força para participar desse manifesto, a gente agradece todo o apoio da população com essa covardia que fizeram com meu sobrinho e amigo. Domingo nós vamos nos manifestar e contamos com a participação de todos”, convocou.


Imagens: Jailton Silva

Fonte: Portal MN