Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Anestesista morre de Covid em Teresina; 2° médico em menos de 24 horas

Este é o segundo caso em menos de 24 horas na capital envolvendo profissionais de saúde.

Compartilhe

Um outro médico morreu em Teresina devido complicações da Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. O Anestesista Fábio Carvalho, de 39 anos, estava internado em um hospital particular da capital por pelo menos dez dias. Ele não resistiu e veio à óbito nesta terça-feira, 14 de julho. Esta é a segunda morte em menos de 24 horas envolvendo profissionais de saúde. 

Fábio Carvalho deixa a esposa e três filhas. O médico atuava na Maternidade Wall Ferraz, no Dirceu, além de hospitais particulares por Teresina. Ainda não há informações se ele tinha comorbidades, o que poderia ter influenciado na piora de seu quadro de saúde.  Um cortejo foi  realizado no fim da tarde desta terça-feira (14), saindo do Hospital Unimed Primavera até o  Cemitério São José. A entrado ao cemitério foi restrita. 

No Instagram, Firmino Filho lamentou a morte dos médicos Fábio Carvalho e Lindomar de Freitas Santos. 

"Encerramos ontem os três dias de luto pelos mais de 500 teresinenses mortos pela COVID-19, mas continuamos a lamentar. Perdemos hoje dois grandes e dedicados médicos. Dr. Lindomar de Freitas e Dr. Fábio Carvalho deixam uma história de amor e dedicação à saúde da nossa cidade. Aos familiares, amigos, pacientes e colegas de profissão; nossos mais sinceros pêsames." escreveu o prefeito de Teresina

Morre o segundo médico por Covid-19 em menos de 24 horas em Teresina (Reprodução)

“O HTI perde hoje o nosso Fábio. Não apenas um dos seus melhores anestesistas, um dos seus maiores médicos. Perdemos o amigo, o exemplo. Exemplo de cidadão correto, organizado, que sempre prezava e lutava pelo bem feito. Muito família. Muito amigo. Muitas saudades. Você fará muita falta, Fábio. Vá em paz. Descanse. Deus o receba”, anunciou um colega de trabalho nas redes sociais. 

O Hospital Unimed Teresina onde Fábio Carvalho trabalhava emitiu uma nota de pesar lamentando a morte do profissional de saúde. 

Em nota, o Conselho Regional de Medicina do Estado do Piauí (CRM-PI), lamentou o falecimento do médico e prestou sentimentos à toda sua família. “Nossas sinceras condolências e estimas à família do jovem médico, que exerceu com zelo e amor sua profissão nestes tempos mais difíceis em que se encontram médicos e demais profissionais da saúde, atuando sem cessar para salvar vidas”, diz trecho do comunicado. 

CRM-PI divulga nota de pesar pela morte do médico (Divulgação)

O primeiro caso registrado foi o do médico Lindomar de Freitas Santos, de 65 anos, na segunda-feira (13), também vítima de complicações da Covid-19.  De acordo com relato de familiares, mesmo sendo do grupo de risco por ser idoso e possuir comorbidades, Dr. Lindomar se recusava a se afastar do trabalho. 

Lindomar de Freitas trabalhava no pronto-atendimento de pacientes do HUT,  área com risco de contaminação pois era o primeiro médico que os pacientes encontravam durante o atendimento na unidade de saúde. O médico estava internado em um hospital particular de Teresina e enfrentava a doença havia alguns dias, quando sofreu uma parada cardiorrespiratória e veio a óbito.

Teresina contabiliza 12.326 pessoas infectadas e 542 mortes pelo novo coronavírus desde o início da pandemia. Os dados são do Painel Epidemiológico, atualizando diariamente pela Fundação Municipal de Saúde (FMS).





Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar