Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Segunda vítima de atropelamento causado por Ex-Botafogo morre

Jogador Marcinho confessou que dirigia um Mini Coper e atropelou casal

Compartilhe

Morreu na terça-feira (5), aos 66 anos, a professora Maria Cristina José Soares, segunda vítima fatal do atropelamento provocado pelo lateral-direito Marcinho, ex-Botafogo, no dia 30 de dezembro. A vítima, Alexandre Silva de Lima morreu no local em função da batida do acidente.

Após o acidente, a professora realizou cirurgia nas duas pernas, mas teve o quadro agravado ao ser diagnosticada com Covid-19. Maria precisou ser intubada, teve uma piora clínica e não resistiu. Ela era casada com a outra vitima fatal, Alexandre Silva.

Após prestar depoimento, Marcinho e o pai Sergio Lemos de Oliveira saem da delegacia ao lado do carro do acidente — Foto: Davi Barros / ge

Os professores casados tentavam atravessar a rua quando foram atropelados por um Mini Cooper. Em depoimento, Marcinho admitiu que dirigia o veículo que atropelou o casal. 

Em depoimento ao delegado lan Luxardo, que investiga o caso. "Ele alegou que estava a 60 Km/h. Mas a gente tem de analisar o laudo pericial para confirmar esse dado. Ele alegou que estava dirigindo e um casal chegou na frente dele de forma repentina". 

LEIA MAIS: Ex-Botafogo, assume ter atropelado casal; homem morreu no acidente



Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar