mais

Aumenta número de mortos em desabamento de hotel de Miami, nos EUA

Número de desaparecidos foi atualizado: são 156 no total, segundo a prefeita.

Subiu para cinco o número oficial de mortos no desabamento do edifício Champlain Towers South, na região de Miami (Estados Unidos), informou a prefeita do condado de Miami-Dade neste sábado (26). Número de desaparecidos foi atualizado: são 156 no total.

As autoridades alertam que esse número vai aumentar porque outros restos mortais foram vistos durante as operações de buscas.

De acordo com informações do G1, as buscas vão demorar. "Nossa prioridade continua sendo procurar, resgatar e salvar mais vidas que pudermos", disse a prefeita Daniella Levine Cava, de Miami-Dade.

Equipes de resgate procuram sobreviventes após desabamento do Champlain Towers South, em Surfside, na região de Miami, neste sábado (26) — Foto: Lynne Sladky/AP PhotoEquipes de resgate procuram sobreviventes após desabamento do Champlain Towers South, em Surfside, na região de Miami, neste sábado (26) — Foto: Lynne Sladky/AP Photo

Estima-se que um terço dos desaparecidos sejam estrangeiros, principalmente de latino-americanos. Uma brasileira relatou à TV Globo que seu filho, também brasileiro, e o marido dela, de nacionalidade italiana, não foram mais encontrados. O Ministério das Relações Exteriores não confirmou dados de cidadãos do Brasil entre os desaparecidos.


Incêndio atrapalha buscas

A busca por mais de 150 moradores desaparecidos de um prédio que desabou na Flórida há dois dias tornou-se cada vez difícil neste sábado, depois que um incêndio prejudicou os esforços de resgate e as autoridades disseram não ter localizado nenhum sinal de vida em meio à pilha de destroços.

Equipes de resgate procuram sobreviventes após desabamento do Champlain Towers South, em Surfside, na região de Miami, neste sábado (26) — Foto: Lynne Sladky/AP PhotoEquipes de resgate procuram sobreviventes após desabamento do Champlain Towers South, em Surfside, na região de Miami, neste sábado (26) — Foto: Lynne Sladky/AP Photo

Ao meio-dia de sábado (26), uma fumaça subiu de uma varanda do segundo andar na parte do prédio que ainda estava de pé, enquanto a equipe de resgate acionava as mangueiras em direção aos escombros para limpar a poeira.

Relatório aponta dano estrutural

O prédio tem mais de 40 anos. Um relatório datado de 2018 e recém-lançado mostrou que um engenheiro havia encontrado evidências de grandes danos estruturais sob o deck da piscina e "deterioração de concreto" no estacionamento subterrâneo do condomínio de 12 andares, três anos antes de desabar sem aviso na quinta-feira, enquanto a maioria dos residentes dormia.

Mas os dados do relatório não deixam claro falhas estruturais no prédio.


Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail