mais

Defensoria Pública retoma atendimentos presenciais na segunda-feira (12)

A retomada será gradual e ocorrerá obedecendo todas as normas higienicossanitárias

A Defensoria Pública do Estado do Piauí retoma na próxima segunda-feira, dia 12 de julho de 2021, os atendimentos presenciais por agendamento. A retomada será gradual e ocorrerá obedecendo todas as normas higienicossanitárias de enfrentamento à Covid-19 que estão em vigor. 

Mesmo com a retomada, a orientação é que a população busque inicialmente o formato remoto de atendimento por meio dos contatos disponibilizados no site e redes sociais da Instituição.

Defensor  público geral, Erisvaldo Marques, anuncia retomada de atendimento presencial Defensor  público geral, Erisvaldo Marques, anuncia retomada de atendimento presencial 

O defensor público geral, Erisvaldo Marques dos Reis, reforça que o formato remoto ainda é o mais seguro. “Resolvemos restabelecer o atendimento presencial por agendamento devido à redução dos números de casos e óbitos em relação à Covid-19, contudo é importante que as pessoas estejam cientes que esse contato presencial só poderá ocorrer mediante agendamento prévio,  que continuamos preferencialmente atendendo por nossos canais remotos", afirma.

RETOMADA 

A Instituição se preparou com todo o cuidado para a retomada gradual determinada pela Portaria Conjunta GDPG/CG Nº 011/2021, datada de 24 de junho de 2021 e assinada pelo defensor público geral, Erisvaldo Marques dos Reis e pelo corregedor-geral, Francisco de Jesus Barbosa. 

Os espaços internos são constantemente higienizados, foi feita limpeza preventiva nos aparelhos split e em todos os prédios é disponibilizado álcool em gel para a higienização das mãos. Defensores, servidores e colaboradores, assim como assistidos, só terão acesso aos prédios com o devido uso da máscara.

RODÍZIO ENTRE DEFENSORES 

Segundo consta na referida Portaria, as atividades  presenciais  da  Defensoria  Pública  retornarão  de  forma  gradual,   inicialmente  com  50% (cinquenta  por  cento)  do  efetivo  de  cada  Defensoria  Pública  ou  órgão  administrativo, podendo  ser  estabelecido  rodízio  entre  defensores  públicos,  servidores,  terceirizados  e estagiários. 

Na Portaria consta ainda que os  defensores  públicos,  servidores,  terceirizados  e  estagiários  que  já estiverem  plenamente  vacinados  estarão  aptos  ao  retorno  do  trabalho  presencial  21(vinte  e um) dias após a aplicação da segunda dose da vacina.



Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail