mais

Desembargador decreta suspensão da greve dos médicos, diz FMS

Segundo a decisão, os profissionais têm até 60 minutos após a ciência para o retorno normal das atividades, sob pena de pagamento de multa no valor de 20 mil

O desembargador Oton Mário José Lustosa Torres acatou o dissídio coletivo de greve ajuizado pela Fundação Municipal de Saúde contra o Sindicato dos Médicos do Piauí para suspender a realização de paralisação programada para esta terça-feira (16).

Segundo a decisão, os profissionais têm até 60 minutos após a ciência para o retorno normal das atividades, sob pena de pagamento de multa no valor de 20 mil reais em caso de descumprimento. 

Desembargador decreta suspensão da greve dos médicos, diz FMS (Foto: Ascom)Desembargador decreta suspensão da greve dos médicos, diz FMS (Foto: Ascom)

A justificativa apresentada pela FMS é a de que a realização de uma paralisação pelos médicos agrava substancialmente a prestação do serviço público de saúde em Teresina e no Piauí na totalidade, visto que a pandemia de Covid-19 ainda não foi erradicada.

Os médicos haviam aprovado, no dia 10 de novembro, em assembleia, a paralisação de advertência em todo o estado. Entre as reivindicações da categoria estão a realização de concurso público, aplicação de progressão da carreira médica e o pagamento do piso salarial de R$ 16.106,38 por 20 horas semanais.

Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail