mais

Desemprego: Nordeste fica em primeiro com 14,9%; veja dados do PI

Os dados foram divulgados pela Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua)

A taxa de desemprego mesmo estável nesses primeiro meses, está em um patamar de  desigualdade no mercado de trabalho entre as regiões. Só no Nordeste a taxa de desemprego está em 14,9%. É mais que o dobro do registrado na região Sul no mesmo período, que ficou em 6,5%.

Os dados divulgados são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua). Ela foi divulgada nesta sexta-feira, dia 13 pelo IBGE.

Taxa de desemprego cresce no paísTaxa de desemprego cresce no país

Confira a lista com a taxa de desemprego por região:

Nordeste: 14,9%

Norte: 11,7%

Sudeste: 11,1%

Centro-Oeste: 8,5%

Sul: 6,5%

Segundo a  classificação por estado, a pesquisa revelou que as maiores taxas de desemprego foram as da Bahia (17,6%), de Pernambuco (17,0%) e Rio de Janeiro (14,9%). Já as menores ficaram com Santa Catarina (4,5%), Mato Grosso (5,3%) e Mato Grosso do Sul (6,5%).

Veja abaixo a taxa de desemprego  de acordo com cada estado:

Bahia: 17,6%

Pernambuco:17%

Rio de Janeiro: 14,9%

Sergipe: 14,9%

Acre: 14,8%

Paraíba: 14,3%

Alagoas: 14,2%

Amapá: 14,2%

Rio Grande do Norte: 14,1%

Amazonas: 13%

Maranhão: 12,9%

Distrito Federal: 12,6%

Piauí: 12,3%

Pará: 12,2%

Brasil: 11,1%

Ceará: 11%

São Paulo: 10,8%

Minas Gerais: 9,3%

Tocantins: 9,3%

Espírito Santo: 9,2%

Goiás: 8,9%

Roraima: 8,8%

Rio Grande do Sul: 7,5%

Rondônia: 6,9%

Paraná: 6,8%

Mato Grosso do Sul: 6,5%

Mato Grosso: 5,3%

Santa Catarina: 4,5%

Tópicos

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail