mais

Motoristas e cobradores de ônibus farão nova paralisação nesta quinta (21)

O ato busca a assinatura da convenção coletiva 2022, onde prevê alguns direitos dos servidores, como auxílio-alimentação e plano de saúde.

Os motoristas e cobradores do transporte coletivo de Teresina paralisaram novamente suas atividades na manhã desta quinta-feira (21). O Sindicato dos Trabalhadores Em Empresas de Transportes Rodoviários do Piauí (SINTETRO) convocou os servidores para se reunirem a partir das 5 horas da manhã na sede do sindicato, para dar início às deliberações do movimento. 

A paralisação foi acordada entre a categoria durante assembleia realizada na semana passada. Em entrevista ao Meionorte.com, Miguel Arcanjo, Secretário de Comunicação do SINTETRO, explicou que o ato busca a assinatura da convenção coletiva 2022, onde prevê alguns direitos dos servidores, como auxílio-alimentação e plano de saúde.

Motoristas e cobradores de ônibus farão nova paralisação nesta quinta  (Foto: Raíssa Morais/ Portal Meio Norte)Motoristas e cobradores de ônibus farão nova paralisação nesta quinta  (Foto: Raíssa Morais/ Portal Meio Norte)

“A gente fez uma assembleia na semana passada e foi definido que a gente pararia na segunda-feira passada. A prefeitura entrou em contato com o Sintetro na sexta e pediu para que a gente suspendesse essa paralisação e solicitou um prazo de 72 horas, para analisar qual seria o impacto dessa convenção nas finanças das empresas e como a prefeitura poderia ajudar”, disse. 

No entanto, segundo Miguel Arcanjo, o Sintetro não foi procurado pelo Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros de Teresina (SETUT)  e nem pela Procuradoria Geral Do Município (PGM), expirando o prazo estipulado de 72 horas. Com isso, a categoria decidiu realizar um novo protesto, que pode se desdobrar em uma possível greve geral da categoria. 

“Já que expirou o prazo de 72 horas e nada foi feito, o Sintetro não foi chamado e não houve proposta, nem da Procuradoria Geral Do Município (PGM) e nem do Setut, os trabalhadores amanhã vão paralisar. A concentração será no Sintetro a partir das 5 da manhã e lá será deliberado como será feito a manifestação. Caso não haja proposta, amanhã só é a primeira de muitas, que pode terminar com uma grave, porque o trabalhador não aguenta mais. Os ônibus que saírem das garagens serão parados no centro, nas praças da Bandeira, João Luís e Saraiva”, reiterou.

Motoristas e cobradores de ônibus farão nova paralisação nesta quinta (Foto: Raíssa Morais/ Portal Meio Norte)Motoristas e cobradores de ônibus farão nova paralisação nesta quinta (Foto: Raíssa Morais/ Portal Meio Norte)

O Secretário de Comunicação do Sintetro destacou ainda para a reportagem, que a convenção coletiva dos servidores do transporte público não iria trazer impactos nas finanças das empresas. Além disso, a forma como os trabalhadores estão sendo pagos atualmente gera insegurança, que a com assinatura da convenção, os servidores iriam estar mais assegurados dos seus direitos. 

"Para nós, essa assinatura não tem impacto, haja vista que teve reajuste de passagem em 2020; tivemos reajuste de salários e não tem impacto nenhum e tudo isso está na planilha. Estamos apenas pedindo que o Setut assine aquilo que foi feito em janeiro de 2020. Passou 2020 inteiro sem negociar com a gente e eles continuam sem querer negociar. Sem assinatura, acontece o que está acontecendo: paga do jeito que quer. A gente não sabe quanto é o salário. As empresas estão colocando a gente trabalhar por hora e fica por isso mesmo. A assinatura é indispensável. Eles já conseguiram a garantia da prefeitura. Agora queremos a garantia do nosso dinheiro", finalizou. 

Tópicos

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail