Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Para o promotor, morte de cabo do BOPE foi crime passional

Promotor tem até a terça-feira (17) para denunciar os acusados

Compartilhe
Google Whatsapp

A Polícia Civil concluiu e encaminhou ao Ministério Público o inquérito policial sobre o assassinato do cabo Claudemir Sousa, do Batalhão de Operações Especiais, ocorrido no dia 06 de dezembro passado. O documento tem quase mil paginas e estar sob a responsabilidade do promotor Regis Marinho, que tem até a próxima terça-feira (17) para apresentar as denuncias.

Para o promotor não restam dúvidas de que a motivação do crime foi passional. 

“Estava, mais ou menos, com um mês que o cabo Claudemir voltara a Teresina, porque estava em Brasília servindo à Força Nacional, e pedira para reatar o relacionamento amoroso com Ocionira, inclusive, com promessa de casamento. No entanto, Leonardo tinha um caso amoroso, como provado nos altos, com Ocionira e como havia essa promessa de casamento, o Ministério Público chega à conclusão de que a motivação deste crime foi passional”, afirmou o promotor.