O cofundador do Facebook e principal acionista da empresa, Mark Zuckerberg, perdeu US$ 29 bilhões de seu patrimônio nesta quinta-feira (3).

A fortuna do empresário foi a US$ 85,2 bilhões, segundo o ranking de bilionários em tempo real da revista Forbes.

Cofundador do Facebook deixa o top 10 dos milionários (Foto: Divulgação)Cofundador do Facebook deixa o top 10 dos milionários (Foto: Divulgação)

As ações da Meta, dona do Facebook, Instagram e WhatsApp, tiveram queda de mais de 25% na abertura do mercado, após a divulgação dos resultados do último trimestre de 2021. 

O Facebook perdeu cerca de 500 mil usuários ativos diários ao redor do mundo nos últimos três meses. Foi a primeira queda nesse número na história da empresa, lançada em 2004.

Além disso, a companhia disse esperar um crescimento lento da receita no próximo trimestre.

O chefe da rede social atribuiu o resultado à concorrência pesada de aplicativos como o TikTok.

"As pessoas têm muitas escolhas sobre como querem gastar seu tempo e apps como o TikTok estão crescendo muito rapidamente. E é por isso que o nosso foco nos Reels [vídeos curtos no Instagram] é tão importante no longo prazo", disse Zuckerberg durante o anúncio dos resultados.

Zuckerberg é, agora, a 12ª pessoa mais rica do mundo, deixando a lista dos 10 mais endinheirados.

O líder do ranking é o empresário e fundador da Tesla, Elon Musk, que detém US$ 230,1 bilhões, seguido por Bernard Arnault (LVMH) com US$ 194,6 bilhões e Jeff Bezos (Amazon), com US$ 167,2 bilhões.

Elon Musk lidera o racking de homens mais ricos do mundo (Foto: Divulgação)Elon Musk lidera o racking de homens mais ricos do mundo (Foto: Divulgação)Essa não é a primeira vez que Zuckerberg perde grandes quantias de dinheiro após maus resultados de sua empresa e polêmicas.

Depois de uma ex-funcionária da companhia vazar documentos que ficaram conhecidos como "Facebook Files", Zuckerberg teve prejuízo de quase US$ 6 bilhões repentinamente, mas recuperou metade do montante em dois dias.