mais

Acusados de matar empresário de Parnaíba são presos em operação

A polícia deflagrou a operação Sicário para dar cumprimento a 20 mandados, sendo 11 de busca e 8 de prisão.

Na manhã desta quarta-feira, 14 de abril, a Polícia Civil do Piauí, representada pela Delegacia Regional de Parnaíba, Delegacia de Homicídios, Tráfico e Latrocínio (DHTL) e Diretoria de Inteligência (DINT), com apoio da Polícia Civil de Pernambuco, Polícia Civil de Alagoas e Polícia Rodoviária Federal, deflagrou a operação Sicário para dar cumprimento a 20 mandados judiciais, sendo 11 mandados de busca e apreensão domiciliar e oito mandados de prisão, em 3 estados da federação, sendo eles: Piauí (Luís Correia e Parnaíba), Pernambuco (Pedra, Arcoverde, Venturosa e Olinda) e Alagoas (Arapiraca) e teve como objetivo a prisão dos executores do homicídio do empresário Janes Cavalcante de Castro, de 53 anos, ocorrido no dia 18 de setembro de 2020, por volta das 14:25, na cidade de Parnaíba.

Seis pessoas já foram presas nos três estados, sendo uma mulher em Luís Correia, litoral do Piauí, um homem em Arapiraca (Alagoas) e quatro em municípios de Pernambuco.

Empresário parnaibano foi morto no dia 18 de setembro - Foto: ReproduçãoEmpresário parnaibano foi morto no dia 18 de setembro - Foto: Reprodução

"Hoje foi deflagrada essa operação que na verdade é decorrente das investigações que envolveram a morte do empresário de Parnaíba. A investigação durou esse tempo por conta da complicação, de tudo que envolvia, mas nós chegamos hoje ao resultado positivo com a prisão dessas pessoas algumas no litoral do Piauí, em Luís Correia e outras em Pernambuco e Alagoas, inclusive aquele que executou a morte, que praticou o homicídio diretamente também foi preso. Nossa equipe da Polícia Civil está presente nesses estados e até amanhã essas pessoas virão presas para o Piauí", afirmou o secretário de Segurança Pública do Piauí, Coronel Rubens Pereira.

Além das prisões, a operação visa arrecadar provas da participação dos autores imediatos, partícipes e quem prestou auxílio material. Diante disso, por se tratar de uma questão de interesse público, a Polícia Civil divulgará a identidade de alguns dos envolvidos, para que a população possa, através de denúncias, informar quaisquer fatos que liguem os presos aos mandantes, bem como qualquer outra informação relevante, por intermédio do link: bit.ly/denunciapcphb  www.pc.pi.gov.br ou disque denúncia 181. 

Participaram da operação cerca de 60 policiais das diversas instituições supramencionadas.

O CASO

O empresário Janes Cavalcante Castro, 53 anos, proprietário da Imobiliária J. Castro, foi executado a tiros na tarde de sexta-feira (18/09), após ser perseguido por criminosos na rua Dirceu, do bairro Frei Higino, município de Parnaíba, região norte do Piauí. 

Segundo informações preliminares, dois criminosos em uma motocicleta modelo Fan perseguiram o empresário e efetuaram vários disparos de arma de fogo, enquanto a vítima conduzia um veículo modelo Uno, no cruzamento das ruas Samuel Santos e Dirceu Arcoverde, no bairro Frei Higino. Após ser atingido pelos tiros, Janes Castro perdeu o controle do seu veículo e colidiu no portão de uma residência.


Empresário foi atingido a tiros e perdeu o controle do veículo - Foto: ReproduçãoEmpresário foi atingido a tiros e perdeu o controle do veículo - Foto: Reprodução

Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail