SEÇÕES

Imagens da confusão com Moraes na Itália devem ser recebidas hoje pela PF

As imagens serão preponderantes para o andamento do inquérito e eventual responsabilização.

Acusados de agredir Moraes e família | Reprodução
FACEBOOK WHATSAPP TWITTER TELEGRAM MESSENGER

De acordo com o colunista Lauro Jardim, do O Globo, a Polícia Federal espera receber nesta segunda-feira, 17 de julho, as imagens das câmeras de segurança do Aeroporto Leonardo da Vinci, de Roma, na Itália. O compartilhamento das gravações obedece a acordo de cooperação internacional na área da Segurança Pública, ao qual o Brasil e a Itália são signatários. 

Nesse sentido, independente do que os depoentes tenham explanado, as imagens serão preponderantes para o andamento do inquérito e eventual responsabilização.

Leia Mais

Cabe indicar que no último domingo (16), Alex Zanatta Bignotto, corretor de imóveis de Santa Bárbara D'Oeste, prestou depoimento na Delegacia da Polícia Federal em Piracicaba, sendo um dos três brasileiros acusados de envolvimento na agressão à família do ministro Alexandre de Moraes, do STF, ocorrida no Aeroporto Internacional de Roma na última sexta-feira.

Andreia Mantovani e Roberto Mantovani Filho, residentes em Santa Bárbara e membros da mesma família, também são suspeitos de participação no incidente. Bignotto negou as acusações, conforme seu advogado, Ralph Tórtima Stettinger Filho, declarou: "Ele em absoluto fez qualquer ofensa ao ministro, mas nós estaremos esclarecendo isso nos autos e tudo será muito bem esclarecido no curso das investigações".

Os depoimentos de Andreia Mantovani e Mantovani Filho estão agendados para terça-feira, na Delegacia da Polícia Federal em Piracicaba.

Como o incidente se deu?

O incidente ocorreu por volta das 18h45 no horário local (13h45 no horário de Brasília), quando Andreia teria insultado Moraes, proferindo palavras como "bandido, comunista e comprado". Em seguida, Roberto Mantovani Filho teria gritado e agredido fisicamente o filho do ministro, derrubando seus óculos no chão. Após o ocorrido, os três continuaram com xingamentos. Moraes estava na Itália para realizar uma palestra na Universidade de Siena.

É relevante mencionar que Roberto Mantovani Filho foi candidato à Prefeitura de Santa Bárbara D'Oeste em 2004, sendo filiado ao PSD e um conhecido apoiador do ex-presidente Jair Bolsonaro. Ele também ocupou a presidência do União Agrícola Barbarense Futebol Clube. Por sua vez, Alex Zanatta é genro de Mantovani Filho.



Participe de nosso grupo no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link


Tópicos