Reunião trata sobre estratégias de prevenção à mortalidade infantil

A reunião aconteceu no auditório da Fundação Municipal de Saúde

Analisar e prevenir a ocorrência de casos de falecimento de mães e crianças. É com esse objetivo que gestores integrantes do Comitê Municipal de Prevenção ao Óbito Materno, Infantil e Fetal se reuniram na manhã de hoje (01) no auditório da Fundação Municipal de Saúde (FMS).

O comitê foi criado para analisar as causas dos óbitos maternos e infantis e o que o estudo dos casos pode trazer de conhecimento para evitar casos semelhantes no futuro. “O objetivo é dar diretrizes para que os gestores tenham instrumentos para trabalhar os cuidados com gestantes, puérperas, recém nascidos e crianças”, explica a diretora de Vigilância em Saúde da FMS, Amariles Borba.

 Ela explica que os óbitos nestes casos são multifatoriais, uma combinação de diversas causas que culminam em um problema que pode levar à morte de mães ou bebês. “Os cuidados com a gestação devem começar antes mesmo do pré-natal”, afirma a diretora, enfatizando que no Sistema Único de Saúde (SUS) são requeridos 21 exames para avaliar o estado da mulher e prevenir problemas que podem ser contornados quando detectados precocemente.

O trabalho de pré-natal em casos sem complicações é realizado pelas equipes da Estratégia Saúde da Família, que acompanham constantemente as gestantes durante a gravidez e no pós-parto. Quando a parturiente tem alta, a primeira consulta do bebê já fica agendada na Unidade Básica de Saúde mais próxima da casa da mãe.

Já os casos com alguma situação de risco comprovada são referenciados para o ambulatório de alto risco da Maternidade Dona Evangelina Rosa, que fará o acompanhamento. À medida que as pacientes passam de alto risco para leve são contra referenciadas para o acompanhamento das equipes de saúde da família novamente. “É direito de qualquer mãe e qualquer filho a realização de um pré-natal de qualidade, pois isso garante que ela tenha condições de ter um bebê saudável”, afirma Amariles Borba.

Fonte: Portal MN