mais

Ex-prefeito Firmino Filho morre aos 57 anos em Teresina

Firmino Filho teria ido ao seu escritório no prédio, que fica no 14° andar, onde funciona o Tribunal de Contas da União e caiu do local.

Atualizado às 22h08

O corpo do ex-prefeito Firmino Filho saírá às 7:30h desta quarta-feira (7) da Funerária Lótus, na avenida Miguel Rosa, em cortejo por ruas de Teresina. Serão realizadas duas missas e o sepultamento ocorrerá às 17h no Cemitério Recanto da Saudade.

O cortejo passará pela Frei Serafim, avenida Marechal Castelo Branco, Praça do Poty Velho, avenida Minitro Sérgio Mota (Santa Maria da Codipi), Prefeitura de Teresina, rua Félix Pacheco, avenida Luís Pires (Saci), avenida Principal do Dirceu, Zequinha Freire.

''Difícil escolher por onde se despedir. Em todas as praças, avenidas, parques e bairros, Firmino deixou um pouco da sua energia e um tanto de seu amor. Por isso, nessa quarta (7), sua despedida será simples, com um cortejo por alguns pontos simbólicos de Teresina. Sem velório aberto e respeitando todos os protocolos de isolamento social, como ele sempre defendeu'', afirmou a assesoria de imprensa pelas redes sociais. 

- Relembre a trajetória política do ex-prefeito Firmino Filho 

- W. Dias sobre morte de Firmino Filho: "Extremamente consternado"

-Firmino Filho pediu esperança em último post nas redes sociais

Dr. Pessoa decreta luto pela morte do ex-prefeito Firmino Filho 

- Políticos lamentam a morte do ex-prefeito Firmino Filho

Ex-prefeito Firmino Filho morreu aos 57 anos Ex-prefeito Firmino Filho morreu aos 57 anos 

O corpo do ex-prefeito Firmino Filho foi recolhido pelo Instituto Médico Legal para perícia. O médico legista Antônio Nunes Pereira, diretor geral do Departamento de Polícia Técnica e Científica, falou com a imprensa sobre os próximos passos da necropsia que sairá em 10 dias. 

"O delegado já está fazendo os levantamentos, foi medida a área, mas nem a medida exata não sei ainda, vamos analisar com calma, próximo passo é necropsia, nós vamos verificar o corpo para ver com o local de crime. Sem dúvidas o corpo tem muitas lesões, mas preferimos não adiantar que tipos para reservar para o laudo. Olhamos de forma bem superficial, agora vamos ficar mais atentos, com a necropsia", declarou ele acrescentando que a documentação do ex-prefeito estava toda no local, assim como seu celular e seus sapatos.

O ex-secretário de comunicação Fernando Said e a vereadora Graça Amorim estiveram na noite de ontem com Firmino Filho e relataram para a repórter da Rede Meio Norte, Cinthia Lages, como foram os últimos momentos do ex-gestor. "Ele estava muito preocupado com os rumos da pandemia em Teresina, muito triste, acompanhava todos os números e tinha uma imensa tristeza com o que estava acontecendo. Tinha planos para o futuro, ainda estava esperando as coisas se desenharem, mas que tudo que ele comentava sempre tinha a ver com a cidade de Teresina", declarou.


Ex-prefeito Firmino Filho morre aos 57 anos em Teresina

O ex-prefeito de Teresina, Firmino Filho, de 57 anos, morreu após cair do edifício Manhattan River Center, na Avenida Arêa Leão, na Zona Leste de Teresina, por volta das 15 horas da tarde desta terça-feira (06). 

De acordo com uma testemunha que trabalha no edifício, Firmino Filho teria ido ao seu escritório no prédio, que fica no 14° andar, onde funciona o Tribunal de Contas da União (TCU). Minutos depois, as pessoas já viram o corpo estendido na calçada do lugar. 

A filha do ex-prefeito, Bárbara Silveira, foi ao local e fez o reconhecimento do corpo. O ex-candidato à Prefeitura de Teresina, Kleber Montezuma, também esteve no local, além de outros políticos.  


“A polícia está no local apenas preservando o local do crime, para que o trabalho da Polícia Civil se inicie. Vamos isolar para depois ver do que se trata. Aqui no local veio uma senhora, reconheceu o corpo e saiu chorando”, declarou o sargento Bezerra. 



Prefeitura decreta luto 

Prefeitura de Teresina decretou luto oficial de três dias em virtude da morte do ex-prefeito. Em nota, a gestão lamentou o falecimento do político e reconheceu os relevantes serviços prestados pelo ex-prefeito à frente do poder executivo municipal. "O prefeito de Teresina manifesta solidariedade à família enlutada. À esposa, deputada estadual Lucy Soares e aos filhos: Bárbara, Cristina e Bruno, doutor Pessoa manifesta seu pesar", diz trecho da nota. 

Veja a nota na íntegra:

Nota 

O prefeito de Teresina, doutor Pessoa decreta luto oficial de três dias em virtude da morte do ex-prefeito Firmino da Silveira Soares Filho. O prefeito cancelou a agenda administrativa para o resto da semana.Doutor Pessoa reconhece os relevantes serviços prestados pelo ex-prefeito à frente do poder executivo municipal.

O prefeito de Teresina manifesta solidariedade à família enlutada. À esposa, deputada estadual Lucy Soares e aos filhos: Bárbara, Cristina e Bruno, doutor Pessoa manifesta seu pesar.

Prefeitura de Teresina decreta luto oficial de três dias em Teresina pela morte de Firmino Filho (Foto: Semcom)Prefeitura de Teresina decreta luto oficial de três dias em Teresina pela morte de Firmino Filho (Foto: Semcom)

De deputado estadual a prefeito de Teresina

Foi eleito deputado estadual do Piauí, em 2010, com 47.634 votos, tendo obtido 80% deles oriundos somente da capital. Nas eleições de 2012, disputa mais uma vez a prefeitura de Teresina, derrotando ainda em primeiro turno o senador Wellington Dias. Segue para o segundo turno como o mais votado, com quase 10 pontos percentuais em pesquisas, à frente do prefeito e candidato a reeleição Elmano Férrer, que teve apoio dos senadores João Vicente Claudino e Ciro Nogueira.

Firmino Filho (Foto: Reprodução/ PMT)Firmino Filho (Foto: Reprodução/ PMT)

No dia 28 de outubro de 2012, com 51,54% dos votos válidos, que correspondeu a 212.741 votos, venceu a disputa do segundo turno e derrotou Elmano Férrer que conquistou 200.062 votos, ou 48,46% do eleitorado.

Durante campanha para prefeito em 2012, recebeu grandes nomes do PSDB nacional que estiveram presentes em Teresina como Aécio Neves e Álvaro Dias para apoiar sua candidatura.

Perfil Político de Firmino Filho

Firmino da Silveira Soares Filho é um economista e político brasileiro expoente do PSDB no estado do Piauí. Foi prefeito de Teresina entre 1997 á 2004, no primeiro mandato.

Nascido em 16 de dezembro de 1963, foi eleito para o terceiro mandato em 2012, desta feita igualando-se em número de mandatos ao seu predecessor Raimundo Wall Ferraz e reeleito nas eleições de 2016[1] ainda no primeiro turno das eleições na capital piauiense.

É formado em Economia pela Universidade Federal de Pernambuco e obteve mestrado na Universidade de Illinois, nos Estados Unidos. Funcionário concursado do TCU e professor da Universidade Federal do Piauí.

Firmino Filho no início da carreira política (Foto: Arquivo MN)Firmino Filho no início da carreira política (Foto: Arquivo MN)

Eleito presidente do diretório municipal do PSDB, renunciou ao cargo de secretário do município em 1996, para concorrer e ser eleito um dos mais jovens prefeitos de capitais do país, derrotando, em segundo turno, Alberto Silva do PMDB, considerado uma espécie de mito da política piauiense. Ainda em primeiro turno no ano 2000, tendo como vice-prefeito Marcos Silva, filho de seu adversário no pleito anterior, foi reeleito prefeito.

Firmino esteve entre os primeiros prefeitos de capitais eleitos pelo PSDB no Brasil. Em 1996, também foram eleitos os prefeitos das capitais Cuiabá, Goiânia e Vitória. No total, 910 prefeitos eleitos e 6.744 vereadores em todo o país naquele pleito.

Carreira política

1993: Assume a Secretaria Municipal de Finanças de Teresina, na gestão de Raimundo Wall Ferraz.

1996: O PSDB elege 910 prefeitos, 3 de capitais, sendo um deles Firmino. Aos 33 anos de idade é eleito prefeito da capital, derrotando Alberto Silva, no segundo turno.

2000: Firmino é reeleito prefeito em 2000, ainda no primeiro turno. Conseguiu altos índices na avaliação popular de sua gestão. Foi agraciado com o título Prefeito Amigo da Criança.

2006: candidata-se a Governador do Piauí em 2006, mas é derrotado numa disputa definida em primeiro turno, tendo como vitorioso daquele pleito o petista Wellington Dias, reeleito.

2008: Começa a reconstruir a carreira política e candidata-se a vereador. Eleito o vereador de Teresina com uma votação recorde em números absolutos, com cerca de 20 mil votos.

Kleber Montezuma e Firmino Filho (Foto: Arquivo MN)Kleber Montezuma e Firmino Filho (Foto: Arquivo MN)

2010: Eleito deputado estadual do Piauí com 47.634 votos, tendo 80% dos votos oriundos somente da capital.

2012: Candidata-se novamente a prefeito, eleito pela terceira vez, agora no segundo turno, derrotando o ex-aliado Elmano Férrer. No primeiro turno derrotou Wellington Dias.

2016: É reeleito prefeito de Teresina pela 4ª vez com 51,14% correspondendo a 220.042 votos.

2020: Encerrou seu último mandato como prefeito em 31 de dezembro




 

Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail