SEÇÕES

Tragédia no RS: Número de mortos em enchentes e chuvas intensas sobe para 41

Segundo o balanço feito, até o momento, os óbitos foram registrados em onze cidades.

Número de mortos em enchentes e chuvas intensas sobe para 41 no RS. | Reprodução
FACEBOOK WHATSAPP TWITTER TELEGRAM MESSENGER

Novo boletim da Defesa Civil do Rio Grande do Sul divulgou às 19h, desta quinta-feira (07), que o número de mortos vítimas das enchentes e das chuvas intensas no estado, subiu para 41. Segundo o balanço feito, até o momento, os óbitos foram registrados em onze cidades, algumas em regiões proximas, como Encantado e Roca Sales.

Conforme divulgado, 15 pessoas foram vítimas da fatalidade na cidade de Muçum e 10 em Roca Sales. Além disso, em Cruzeiro do Sul houveram quatro mortes. Em encantado, imigrante, Mato Castelhano, Passo Fundo, e Santa Tereza, teve um óbito cada, e nas localidades de Estrela e Ibiraiaras dois e em Lajeado, três. 

A quantidade de pessoas desaparecidas subiu para 25, oito em Arroio do Meio e Lajeado, cada, e nove em Muçum. Segundo os dados, mais de 3 mil pessoas foram resgatadas. Nos 83 municípios afetados, a tragédia deixa quase 3 mil indivíduos desabrigados e 7.607 pessoas desalojadas. 

Até o momento, 122.992 pessoas foram afetadas pelas enchentes e chuvas intensas. 43 pessoas estão feridas. As mortes já superam a maior tragédia natural das últimas quatro décadas no estado, ocorrida em junho, quando 16 pessoas morreram. O governador Eduardo Leite confirmou que essa é a pior tragédia natural já enfrentada pelo estado.

Os corpos das vítimas dos temporais foram levados ao Departamento Médico-Legal (DML) de Porto Alegre para identificação. Não foi divulgado um prazo para a conclusão desse processo. A previsão do tempo indica que o Rio Grande do Sul continuará a enfrentar chuvas durante o feriadão de 7 de Setembro, devido a uma área de baixa pressão atmosférica e um novo ciclone extratropical na região. A chuva atingirá todo o estado, com maior intensidade no centro-sul.



Participe de nosso grupo no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link


Tópicos