Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Pai que foi solto após assassinar filho volta a ser preso em Teresina

No dia do crime, Francisco das Chagas chegou em casa embriagado e desferiu golpes de faca no jovem durante uma discussão e Cristiano acabou morrendo a caminho do hospital.

O pai acusado de matar o próprio filho, identificado como Cristiano Sousa, de 16 anos, no dia 24 de outubro do ano passado, no bairro Santa Maria da Codipi, na zona Norte da capital, voltou a ser preso em Teresina na manhã desta segunda-feira (01/03).  Francisco das Chagas Matias Silva, de 39 anos, havia conseguido sua liberdade provisória, além de ter sido beneficiado com o indulto de Natal. No entanto, familiares da vítima recorreram na justiça.  

Em entrevista ao Meionorte.com, Herlon Viana, chefe de investigação do 22° Distrito Policial, informou que após a família conseguir a decisão a favor de sua prisão, um mandado, através 1° Vara do Tribunal do Júri, do Tribunal de Justiça do Estado do Piauí (TJ-PI), foi expedido. “Tempos depois que  ele estava em liberdade a mãe do rapaz que foi assassinado recorreu e conseguiu a prisão dele. Fizemos as diligências na região, ele viu que não tinha saída e resolveu se apresentar hoje de manhã na delegacia”, explicou. 

No dia do crime, Francisco das Chagas chegou em casa embriagado e desferiu golpes de faca no jovem durante uma discussão e Cristiano acabou morrendo a caminho do hospital. Francisco foi encontrado na casa da mãe, avó da vítima, horas depois do crime. Com o benefício concedido à época, os familiares ficaram revoltados e com medo de uma nova tragédia acontecer.  

Foto: Divulgação/ 22° DPFoto: Divulgação/ 22° DP








Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push
<