Por Rany Veloso

Considerado como "petista histórico" pela oposição, Jesus Rodrigues, que já foi presidente do Detran-PI na gestão de Wellington Dias, divulgou um vídeo nas redes sociais no qual declara voto em Lula (PT) para presidente da República Sílvio Mendes (União Brasil) para governador e em Joel Rodrigues (Progressistas) para senador.

Apesar de ser apresentado assim, uma fonte do PT disse que ele não tem mais relação com o partido desde 2014, quando rompeu com o ex-governador petista. Mesmo assim, Jesus continua tendo relações e apoia Merlon Solano (PT) para a Câmara.

“Sílvio Mendes vai renovar a gestão, tirar o modo de aparelhar do PT, que será alternado. E Joel Rodrigues vai dar uma aposentadoria aí para o ‘Índio’ (apelido dado a Wellington Dias por alguns amigos), precisando de uma folga”, afirmou Jesus.

Diante da rejeição a Bolsonaro no Piauí, a estratégia de campanha de Sílvio é mostrar ao eleitor que mesmo votando em Lula podem votar em no candidato da oposição, tentando contrapor à estratégia de Rafael Fonteles, candidato do PT, que desde a pré-campanha adota como ums dos "slogans" "o menino de Lula".