Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Fittipaldi, 1º não norte-americano a vencer Indy, vive em dívidas

O dia 24 de Setembro de 1989 tornou-se um marco para o automobilismo brasileiro, pois foi nessa data que o piloto Emerson Fittipaldi venceu as 500 Milhas de Indianópolis, sagrando-se campeão da Fórmula Indy. Fittipaldi foi o primeiro piloto que não nasceu nos Estados Unidos a ser campeão, transformando, portanto, sua carreira no automobilismo de modo marcante. Ficou na história a imagem de Emerson Fittipaldi posando diante de uma pilha de U$ 1 milhão, um prêmio extraordinário para aquela época.

Fittipaldi foi bicampeão da Fórmula 1 em 1972 e 1974, campeão da Fórmula Indy em 1989 e bicampeão das 500 milhas de Indianápolis em 1989 e 1993. Com isso, ele é o único piloto na história a vencer o mundial de F1 e as 500 Milhas por duas vezes,e um dos 4 a integrar o seleto grupo de pilotos que encerraram suas carreiras sendo campeões da Formula Indy e da Formula 1.

Sua estreia na Fórmula Indy se deu em 1984 estreou . Em 1989 foi campeão da categoria com cinco vitórias, uma delas nas 500 Milhas de Indianápollis, feito que repetiu em 1993.

Em 1996 sofreu um grave acidente durante o GP de Michigan, fraturando a sétima vértebra. O acidente afastou Emerson das pistas, mas ele acabou não resistindo e participou de algumas provas da GP Masters em 2005, categoria que reunia veteranos pilotos, como Nigel Mansell, Ricardo Patrese, René Arnoux, Andréa de Cesaris, Jacques Laffitte, Derek Warwick e Alan Jones, entre outros.

Nascido na cidade de São Paulo em 12 de dezembro de 1946, Emerson Fittipaldi é um dos maiores nomes do automobilismo brasileiro e mundial em todos os tempos.

Atualmente residindo em São Paulo e na Flórida, nos Estados Unidos, Emerson é um empresário com atuação em diversos segmentos. Nos últimos anos tem passado por dificuldades financeiras enormes, com débitos no mercado superiores aos bens e valores que possui.

Uma reportagem exibida no programa "Domingo Espetacular", da Record, em 3 de abril de 2016, relatou que Emerson estava em situação de falência, devendo a muitos credores, em torno de 27 milhõres de reais. Alguns de seus bens, inclusive carros de F1 da equipe Copersucar (restaurados pela Dana) e da Indy, foram apreendidos, assim como troféus e outros bens de seu escritório (computadores, mesas e cadeiras).



Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar